Archive for setembro, 2013

Twitter

setembro 19, 2013

Depois de um tempo afastado do Twitter, estou voltando após criar uma nova conta:

@_andrem_

Acredito que tudo tenha começado aqui, porém estou voltando aos poucos.

Escrevo este Blog desde de 2007, e quem acompanha ele – se ler ele do começo até este texto – compreende como foi e como caminha meus estudos ligados o GNU/Linux e minha carreira profissional.

Hoje, posso dizer que amadureci, e posso ver o quanto importante foram minhas decisões de experimentar empresas, lugares, projetos e desafios.

Acredito que vivenciar é muito importante. Passeie por empregos e cargos (salários) muito sedutores, mas no fundo o desejo de alcançar meus objetivos – meus planos secretos ;) –  foram mais sedutores.

Claro, muitas coisas ainda preciso aprender, coisas simples para uns ou complexas demais para outros. Mas o importante é que, quando olho para traz e vejo os passos tortos que deixei, ainda me pego surpreso com muitas das coisas que foram se construindo com o tempo.

Tudo começou em 2004. A vontade de ser um profissional mais completo passou a tomar forma e aspirações. Fui desenvolvedor, fui sysadmin, vivenciei o lean, scrum e me certifiquei ITIL (porque a empresa pagou ;) ). Quase tornei-me gestor em uma pequena empresa e em uma grande empresa. Escapei por pouco. Não que eu não goste de cargos assim, mas é que realmente, não acreditava ser o momento.

Trabalhei com equipes incrivelmente boas e com pessoas que me deixam saudades de vê-las todos os dias.

Aprendi coisas no Scrum, que já me fizeram esquentar o sangue no ITIL. Mas vivenciei. Esse era o objetivo. De conhecer os módulos do Kernel, aos protocolos de redes. De escrever módulos para o Apache (infelizmente, este ficou na empresa, não pode ser open :/ ). E quando não se tinha solução pronta, a mesma foi desenvolvida.

Mas, isso tudo é uma longa e complexa história. Muitos não entendiam, ou não entendem. Afinal, quem pediria para sair de uma empresa com um ótimo salário, desenvolvendo em Ruby porque acreditava que ainda deveria experimentar novos desafios? Uma outra empresa que pudesse oferecer a realidade de se implementar o Hadoop ao ponto que as integrações passem dos tuning de SO as libs do Google? Bom, no fim acabei encontrando ;)

A motivação era aprender, estudar e vivenciar. O que a faculdade não me ofereceu. Mas que eu, em minha “loucura” interna, busquei até aqui.

Se identificava uma falha em mim, busquei como corrigir. Se a correção era ser sysadmin, fui ser sysadmin. Se a solução era desenvolver usando TDD. Desenvolvi usando TDD.

Existia um grande problema ainda nisto tudo: ser todos, porém nunca ser ninguém. Hoje, essa frase, ou medo que eu mesmo tinha, não faz muito sentido.

Essa, foi minha experiência até aqui.. sempre me imaginei como, se posso, onde fazer. Afinal, como você se imagina daqui a 40 anos?

Este capítulo se encerra aqui.